CONHECIMENTO DOS MANIPULADORES DE ALIMENTOS SOBRE BOAS PRÁTICAS DE MANIPULAÇÃO

Autores

  • Talita São Pedro MORALES
  • Vivian Breglia Rosa VIEIRA

Resumo

As Doenças Transmitidas por Alimentos (DTAs) têm sido frequentes e uma das causas dessas ocorrências é a manipulação inadequada dos alimentos, que pode ocorrer desde o recebimento de matérias primas até o produto final. O objetivo da pesquisa foi avaliar o nível de conhecimento dos manipuladores de alimentos quanto às boas práticas de manipulação e seus hábitos durante os procedimentos. Foi aplicado um questionário contendo perguntas com respostas objetivas aos participantes de Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN) de São José do Rio Preto/SP. Para classificar o conhecimento dos manipuladores de alimentos em relação às boas práticas foi determinado que o resultado seria considerado parcialmente satisfatório se os indivíduos obtivessem acima de 75% de acertos e seria considerado plenamente satisfatório se obtivessem 100% acertos. Os resultados foram bons nos quesitos DTA, contaminação cruzada e higiene, pois a maioria dos participantes obteve 100% de acertos. As questões de tempo x temperatura obtiveram baixa índice de acerto. Conclui-se que, as equipes de manipuladores que participaram dessa pesquisa, necessitam de capacitações e monitoramento das práticas com maior frequência a fim de garantir segurança e evitar DTA.

Publicado

2021-05-05

Edição

Seção

Artigos