QUALIDADE DE VIDA E SITUAÇÃO DE SAÚDE DE IDOSOS DE UM MUNICÍPIO DO INTERIOR DE SÃO PAULO

Autores

  • Tainara Baptista de SOUZA
  • Tainara COSTA

Resumo

Estudo transversal com o objetivo de avaliar a qualidade de vida de idosos de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) do município de Bálsamo–SP. Os dados foram coletados no mês de setembro de 2019, utilizando o WHOQOL-Bref e um questionário sociodemográfico. A amostra foi constituída de 40 idosos com idade superior a 60 anos e média de 71 anos. Os resultados mostraram maior participação feminina (52,5%), 75% eram casados, 50% apresentaram estado nutricional de eutrofia, 72,5% possuiam o ensino fundamental, 67,5% utilizavam o SUS e 55% consideraram sua saúde como boa.O instrumento WHOQOL-Bref evidenciou uma avaliação positiva, principalmente em relação ao domínio psicológico e ambiental, evidenciando a grande importância das redes sociais na vida dos idosos. Conclui-se que o desenvolvimento de estratégias para melhorar a assistência ao idoso,gerando condições para promover sua autonomia, integração e participação efetiva na sociedade de modo positivo em seu bem-estar psíquico e físico.

Publicado

2021-05-05

Edição

Seção

Artigos