INVESTIGAÇÃO DE EDEMA POSTURAL EM MEMBROS INFERIORES DE FISIOTERAPEUTAS

Autores

  • Brunna Karoline Ribeiro MACEDO
  • Rafaela Fagundes da SILVA
  • Bianca Zezi SANCHES

Resumo

Introdução: O edema postural (EP) também conhecido como edema gravitacional ou edema ortostático, trazendo um notável incômodo e uma percepção de sobrecarga nos membros inferiores (MMII), nada mais é que concentração de liquido no meio intersticial, resultante de considerados falhas no sistema linfático como, o entupimento de vasos, elevação da permeabilidade vascular resultando em déficit na divisão do liquido no interstício, a ausência dos movimentos de contração para a passagem da linfa desenvolvem tecidos edemaciados. A prevenção é o uso de meias de compressão, exercícios aeróbicos na água, drenagem linfática. Objetivo: Avaliar EP em profissionais assistenciais fisioterapeutas de uma clínica particular, que permanecem mais de 4 horas na posição em pé e sentada, para que medidas preventivas possam ser desenvolvidas para esses profissionais. Metodologia: Foram submetidos a avaliação de volumetria por deslocamento de água 11 fisioterapeutas, no qual foi realizada em dois momentos, antes e após a da jornada de trabalho. A finalidade da volumetria é monitorar o processo evolutivo do volume de liquido de uma determinada região. Resultados: Verificou-se que todos os avaliados obtiveram redução da taxa de EP em MMII. Conclusão: Podemos concluir que o efeito do deslocamento apresenta resultados sobre a prevenção e redução do edema em MMII.

Publicado

2021-05-06

Edição

Seção

Artigos