PERFIL EPIDEMIOLÓGICO E CLÍNICO DE PACIENTES COM AMPUTAÇÃO DE MEMBROS INFERIORES

Autores

  • Munir da Silva ZEINDIN
  • Gabriela Amanda PEREIRA
  • Vinicius Henrique Ferreira MONTEIRO

Resumo

Introdução: A amputação é definida como ausência completa ou parcial de um segmento/membro, com múltiplas causas a depender da faixa etária de manifestação. As amputações de membros inferiores causam um grande impacto físico e social além de grandes limitações funcionais. A análise epidemiológica dos aspectos que cercam a amputação de membros inferiores, demonstra-se de extrema importância para a boa assistência e a caracterização do setor e ou centro especializado em reabilitação. Objetivo: O presente estudo tem como objetivo traçar características clínicas e o perfil epidemiológico dos pacientes com amputações de membros inferiores, através de uma revisão de literatura. Método: Trata-se de um estudo de revisão de literatura de caráter descritivo abrangendo os anos de 2010 á 2020 onde se utilizou os descritores em saúde, amputação de membros inferiores, protetização e fisioterapia através das bases de dados PUBMED, MEDLINE, BIREME e SCIELO. Resultado e conclusão: Os dados apresentados neste estudo mostraram uma alta incidência de amputação de membros inferiores e, que na maioria são causadas por patologias como diabetes mellitus e doença arterial periférica relacionadas ao envelhecimento, e em indivíduos adultos saudáveis, destacou-se a amputação devido á traumas.

Publicado

2021-05-06

Edição

Seção

Artigos